Posts com Tag ‘A cidade são as pessoas’

Imagem

Sim!!! Ver tanta gente fazendo tanta arte com tantas linguagens reforça que a percepção é a chave para a transformação da cidade que queremos. Estamos a dois meses em São Paulo, e tem se tornado cada vez mais nítido, que quanto mais participamos, mais soluções simples e replicáveis surgem, restabelecendo o diálogo onde só existia imposição.

Não é de se admirar se ouvirem por ai, que essa foi uma das ocupações mais consistentes com o atual momento de SP. É muito satisfatório ver a ação e a pratica pela cidade que queremos. Essa é a importância de ocupar criativamente o espaço público. Manifestando a real vida que existe na cidade, repleta de pessoas incríveis.

A Praça Roosevelt estava tomada pela verdadeira cidade, livre de qualquer tipo de paranóia social. O espaço público é um lugar que todos temos de interpretar, nos apropriar no grandioso labirinto de corpos que perdidos se encontram. se reconhecem. se relacionam. Na construção diária da cidade que queremos. Mas se a cidade são as pessoas e as pessoas são as relações, nada como o amor manifesto e recíproco para transformar o espaço em um grande ambiente de união.

Criolo e Gaby Amarantos, dois artistas de origem periférica, emanam a mensagem de mais amor! Um momento histórico para a cena independente, amplificado nas ondas do diálogo e na tecnológica, representada pelo ao vivo da Pós Tv, que transmitiu tudo que tava rolando na praça, conectando gente do Brasil e do mundo com esse dia tão histórico para a cidade. Só amor conduzindo esse ato pela cidade.

O dia findou com meu primeiro banho de chuva na terra da garoa. Que venha o próximo festival. Afinal, a cidade que queremos nasce da nossa ação!

Anúncios