Mestres Carpinteiros Navais Doc

Documentário paraense inicia rota de lançamento pela cidade de São Paulo

Em dezembro inicia-se o circuito de lançamento do documentário “Mestres Carpinteiros Navais – Conhecer Para Valorizar’.  As cidades de São Paulo, Macapá, Sorocaba e Cananéia são rotas já confirmadas para o lançamento do filme, em parceria com artistas, pesquisadores, cineastas, cineclubistas, historiadores, agentes de pontos de cultura e ateliês de arte.

A primeira ação acontece neste sábado, dia 8 de dezembro, no Estúdio Lâmina (São Paulo), que realiza seminário para dialogar sobre o que vem sendo feito e pensado por artistas, cineastas, produtores culturais, curadores, ativistas sociais, coletivos e galeristas em torno dos temas patrimônio, memória e tecnologia social em rede. O ponto de partida, abrindo os diálogos, será o lançamento do documentário com narrativas dos mestres de como se tornaram carpinteiros navais, cujo ofício é a fabricação artesanal de embarcações, uma das profissões mais antigas da Amazônia. O documentário foi filmado dentro dos estaleiros e das casas de dos dois mestres, na cidade de Vigia de Nazaré, no estado do Pará, onde permanece em atividade um dos maiores e mais antigos estaleiros artesanais da região do salgado.

O documentário faz parte do projeto “Saberes de Mestres Carpinteiros Navais – Conhecer Para Valorizar”, viabilizado pela Funarte/Minc através do edital Microprojetos da Amazônia Legal. Foi realizado pela colaboração entre Francisco Oliveira, historiador especialista em Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural do Pará, pela UFPA e Idealizador do “Museu do Mestre”; Mateus Moura, cineasta, crítico de cinema e presidente da Associação Paraense de Jovens Críticos de Cinema (APJCC); e Samir Raoni, produtor cultural e pesquisador de histórias de vida do projeto de valorização do Patrimônio Material e Imaterial Nacional “Brasil Memória em Rede”.

Para Samir Raoni, o projeto tinha como percepção, em sua primeira etapa,  sensibilizar os mestres sobre a riqueza de seu saber como patrimônio cultural, refinando o olhar sobre a poética vivenciada no construção das embercações.  Na segunda etapa, a realização da oficina de Patrimônio Cultural e Produção Audiovisual para jovens da Região do Salgado, na cidade de Bragança, onde foi produzido o curta “Mural de retratos da vila que é”.

A realização das visitas nos estaleiros, o relacionamento com a família dos mestres e a troca de experiências, vivências e poéticas do olhar sobre o mundo, trouxe um sentimento profundo de que esses ateliês navais são grandiosos espaços de nascimento de atos poéticos.

Samir acrescenta que o circuito de lançamento do documentário tem como objetivo fomentar o diálogo entre produtores, articuladores e usuários de conteúdos de memória para democratizar o uso e a prática da memória histórica do país. “Um povo que não preserva seu patrimônio artístico e cultural está sujeito a perder importantes ritos e tradições que representam todo um processo histórico de um povo. É fundamental ações e programas que ampliem e estimulem cada vez mais esse tipo de iniciativa”, afirma Raoni.

O professor Francisco Oliveira afirma que o desfeche do trabalho é a criação do projeto de intervenção “Museu do Mestre Carpinteiro Naval”, cuja elaboração teórica já foi finalizada e que objetiva a criação de um museu vivo, em Vigia de Nazaré, que expresse a cultura material e imaterial que envolve o conhecimento dos mestres carpinteiros. Destaca que o crescente uso da tecnologia digital e a busca por cursos de formação técnica e acadêmica tem desviado a atenção das gerações atuais de suas referências culturais. “O conhecimento dos mestres carpinteiros tem sido relegado ao esquecimento e o processo de transmissão desse conhecimento está sendo interrompido pela diminuição do interesse dos jovens, o que representa a possibilidade da perda de elementos expressivos da cultura material e imaterial de um povo, cujo ofício sempre esteve diretamente relacionado com o saber transmitido entre as gerações”, alerta Oliveira.

ROTAS DE LANÇAMENTO: Acompanhe a rota de lançamento do Documentário “Mestres Carpinteiros Navais” pelo site: http://samiraoni.wix.com/mestresdoc  e facebook: www.facebook.com/MestresDoc

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s