Arquivo de 11 de julho de 2010

O secretário geral do Conselho Nacional de Cineclubes, João Batista Pimentel Neto, foi a primeira pessoa a confirmar presença na Jornada que vai fundar a Federação Paraense de Cineclubes, dias 23, 24 e 25 de julho, em Belém.

Segue abaixo, texto enviado pelo evento.

Honrado pelo convite, conforme e-mail endereçado á comissão organizadora, o secretário do CNC vai arcar com a viabilização da própria passagem aérea para garantir a sua participação em toda a Jornada, propondo-se, inclusive, em aceitar acomodações disponibilizadas através da hospedagem e alimentação solidárias.

Além do estímulo ao movimento cineclubista, a presença de Pimentel, segundo a comissão organizadora do encontro, confirma que a articulação de eventos em rede, de forma aberta, transparente e democrática, fortalece o sentimento e a sinestesia colaborativa dos participantes. A comissão organizadora avalia que a presença de Pimentel, assim posta, poderá estimular a militância cineclubista para a o entendimento de que a JOPACINE, por resultar de um esforço coletivo e por ser organizada com enormes dificuldades estruturais, os seus participantes serão convocados a assumir eles próprios diversas responsabilidades com este evento, histórico pela sua própria natureza.

Assim sendo, a presença de Pimentel em Belém na Jornada Paraense de Cineclubes é sem dúvida a primeira de uma série de confirmações que estão se desenhando e que devem estar consolidadas até meados da próxima semana. Até o presente momento, o evento conta com apoios do IDEA 2010, Rede Norte de Cineclubes, Secretaria de Educação, Casa Civil, Prodepa, Fapespa, Sedect e Secult.

Objetivamente, estão garantidos o espaço de realização do evento (Cinema Olímpia), o alojamento dos participantes (que será em escola próxima ao local da JOPACINE), transporte dos participantes entre o local do evento e a escola onde ficarão alojados.

A partir de segunda-feira, dia 12, serão intensificadas as chamadas aos cineclubistas, gestores de entidades da sociedade civil, ativistas do setor audiovisual, realizadores e produtores de cinema e mídias digitais, de forma a garantir a maior representatividade possível deste encontro.

O evento é convocado por cerca de 30 entidades e projetos que participaram do ii DIÁ-logos cineclubistas, realizado em maio no instituto de Tradição Afro-Religiosa Mãe Nangetu. Sem orçamento e ao mesmo tempo sem economia de esforços, o evento vem sendo estruturado em rede, de forma colaborativa, com os seus passos sendo permanentemente publicitados de forma a que a sociedade possa acompanhá-los.

Assim sendo, estão disponibilizados no site www.jopacine.wordpress.com todas as informações sobre a JORNADA, entre as quais: programação, ficha de inscrição, proposta de regimento interno da JOPACINE e ainda a proposta de estatutos da Federação Paraense de Cineclubes.

A meta da comissão organizadora é aparar as arestas e solucionar todos os impasses entre teorias e práticas antes da JOPACINE, para que a mesma se transforme num espaço de conversas entre as vivências e de proposições afirmativas para o desenvolvimento da atividade cineclubista no Estado do Pará.

Fonte: Comissão Organizadora da Jornada Paraense de Cineclubes

Anúncios